Sign In

Identifier

Event

Language

Presentation type

Topic it belongs to

Subtopic it belongs to

Title of the presentation (use both uppercase and lowercase letters)

Presentation abstract

Desde os atribulados processos eleitorais às presidenciais nos Estados Unidos (EUA), em 2016 e no Brasil, em 2018, a distinção entre o verdadeiro e o falso, regra basilar do jornalismo, tornou-se o critério de noticiabilidade mais recorrente nas decisões editoriais dos media jornalísticos. O efeito ruinoso que se instalou com uma exponencial circulação e consumo de informações falsas no ambiente de rede levou a imprensa nesses dois países ao maior dos desafios, reafirmar o seu papel como mediadora credível da informação pública. Um severo combate à desinformação configura-se agora como a mais dura batalha para o jornalismo nas duas Américas. Perante à complexidade informativa gerada pela web e suas redes, iniciativas são lançadas não somente para detectar e impedir a ação nociva das fake news ao jornalismo, mas para fortalecer um trabalho mais responsável na concepção do que tem ou não valor como informação pública no ambiente online. Para esse fim, organizações de mídia anunciam que estão reforçando, em diferentes modos e níveis, os seus serviços operacionais de fact checking, breaking news e de rigor na investigação jornalística, bem como estimulando a literacia digital entre seus jornalistas e outros profissionais de redação como estratégia de inovação em suas rotinas. Diante de um contexto operacional em anúncio de mudança, notificado por diversos jornais nos EUA e no Brasil, esse estudo exploratório classifica valores/princípios que regem tais operações e concepções de notícia em distintas conjunturas de mídia, mapeando parâmetros profissionais em vigor no tratamento da informação pública.

Long abstract of your presentation

Keywords (use both uppercase and lowercase letters)

Main author information

Ariane Paiva (Portugal) 10955
Scientific production

Co-authors information

Status:

Approved